31 de outubro 2017

Informação

SRCOM promove estudo sobre fatores de risco nos contextos dos serviços de saúde

Estimado(a) Colega, 
 
Na sequência do estudo/intervenção que a Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos (SRCOM) realizou sobre o burnout na classe médica, a nossa secção está agora a desenvolver um novo estudo sobre os fatores de risco nos contextos dos serviços de saúde. Entre os fatores relacionados com o local de trabalho, a União Europeia evidenciou os fatores psicossociais como prioritários, sendo mesmo considerado como um dos campos de investigação mais importantes num futuro próximo (EU-OSHA, 2000).
 
Este novo estudo, relativamente ao anterior, altera algumas características metodológicas e utiliza instrumentos diferentes*, nomeadamente o recurso a uma amostra representativa de 1536 Colegas, com seleção aleatória e resposta anonimizada, bem como o uso do “Copenhagen Psychosocial Questionnaire -  COPSOQ”  — instrumento baseado no modelo de exigência e controlo, que procura explicar o stress como consequência das elevadas exigências no trabalho e de um baixo apoio social (Kristensen et al., 2005) e com repercussão comprovada na incidência de várias patologias — e um instrumento dirigido à avaliação do ”Índice de Capacidade Humana para o Trabalho - ICT”.


Pretendemos, assim, com este novo estudo, avaliar a prevalência dos fatores de risco associados ao contexto laboral, a par com o seu impacto na saúde e no bem-estar na classe médica, visando a delineação de uma estratégia de prevenção e intervenção capaz de potenciar a promoção da saúde e bem-estar da classe médica (e dos profissionais de saúde em geral).

Só com a sua participação poderemos alcançar estes objetivos.
Só com a sua participação teremos resultados fidedignos e generalizáveis.
 
Para qualquer esclarecimento ou dúvida acerca deste projeto poderá contactar-nos através do email: srcom.bemestar.medicos@gmail.com

O Grupo de Trabalho Responsável pelo Estudo
  • Dr. Carlos Cortes – Presidente da SRCOM; Serviço de Patologia Clínica, Centro Hospitalar Médio Tejo, EPE (CHMT)
  • Dr. João Redondo – Vogal da SRCOM; Agência para a Prevenção do Trauma e da Violação dos Direitos Humanos; Centro de Responsabilidade Integrado de Psiquiatria, Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra
  • Dra. Ana Paula Cordeiro – Vogal do Conselho Disciplinar da SRCOM; MGF, USF Fernando Namora
  • Prof. Doutor António Jorge Ferreira – Instituto de Higiene e Medicina Social da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra
  • Prof. Doutor Carlos Fernandes da Silva – Departamento de Educação e Psicologia da Universidade de Aveiro; Centro de Investigação em Tecnologias e Serviços de Saúde (CINTESIS) – Faculdade de Medicina da Universidade do Porto 
  • Dra. Fernanda Duarte – Unidade de Psicologia Clínica do CHUC; Centro de Responsabilidade Integrado de Psiquiatria, CHUC
  • Dra. Isabel Antunes - Vogal da SRCOM; Medicina do Trabalho, CHUC
  • Dra. Liliana Constantino - Agência para a Prevenção do Trauma e da Violação dos Direitos Humanos, UCSP Anadia 
  • Prof. Doutor José Augusto Simões – Membro do Gabinete de Ética e Deontologia da SRCOM, USF Marquês de Marialva
  • Mestre Pedro Bem-Haja – Departamento de Educação e Psicologia da Universidade de Aveiro; Centro de Investigação em Tecnologias e Serviços de Saúde (CINTESIS) – Faculdade de Medicina da Universidade do Porto; IBILI - Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra
  • Dr. Tiago Santos - Agência para a Prevenção do Trauma e da Violação dos Direitos Humanos; Psiquiatria, CHBV 
  • Prof. Doutor Vítor Rodrigues – Instituto de Higiene e Medicina Social da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra
 
Nota: o inquérito será enviado, por email, aos médicos incluídos na amostra, a partir do dia 30 de Junho.