21 de dezembro 2017

Informação

Coimbra | Ordem dos Médicos efetua visita ao Centro de Referência para a Fibrose Quística

O presidente da Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos (SRCOM), Carlos Cortes, visitou o Centro de referência para a Fibrose Quística, nos Hospitais da Universidade de Coimbra (HUC) do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra.
Após uma reunião com Carlos Robalo Cordeiro, diretor do Serviço de Pneumologia HUC, Professor Catedrático e Coordenador do Centro de Pneumologia da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra, e Fernanda Gamboa, coordenadora do centro para a Fibrose Quística, o presidente da SRCOM visitou a unidade de internamento bem como a zona para as consultas externas (área manifestamente insuficiente para o volume de consultas anuais).

Recorde-se que a criação dos centros de referência tem como objetivo garantir um alto nível de cuidados médicos, permitindo aos doentes beneficiar de todas as opções diagnósticas e terapêuticas que lhes possibilitem uma maior esperança de vida, melhor qualidade de vida e redução dos custos da doença. No entanto salientou que Portugal tem, em relação a esta matéria, uma "posição muito avançada em relação a outros países da Europa".


A fibrose quística é uma doença hereditária de elevada mortalidade que se caracteriza por uma produção anormal de secreções e que resulta numa série de sintomas, entre os quais a afeção do tubo digestivo e dos pulmões, provocando muitas vezes a morte ainda na juventude.
Estima-se que, em Portugal, existam entre 380 a 400 pessoas com esta doença.