05 de junho 2018

Informação

Professor Jorge Pimentel proferiu Última Lição e agradeceu intervenção da Ordem dos Médicos

O professor Jorge Pimentel, da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra (FMUC) proferiu, na manhã do dia 5 de junho, às 11 horas a sua Última Lição, sob o tema "Lugar dos Hospitais da Universidade de Coimbra na História da Medicina Intensiva em Portugal".
No auditório principal do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC), perante muitos colegas e amigos, Jorge Pimentel abordou diversos temas, desde logo a fusão no âmbito da qual nasceu o CHUC, a evolução dos cuidados intensivos e a tecnologia associada a esta área altamente diferenciada. Ao longo desta lição foi citando e enaltecendo todos os elementos da sua equipa, acentuando que sem uns e outros não seria possível os resultados clínicos, assistenciais e de investigação.

Nesta 'aula' especial, Jorge Pimentel vaticinou também o aumento de instalações do serviço no polo HUC, a bem dos profissionais e dos doentes, e destacou ainda a excelência da Faculdade de Medicina - tem a cadeira de Medicina intensiva no ensino pré-graduado e pós-graduado, com simulação - e acentuou também a excelência do Hospital da Universidade de Coimbra onde se verificará a renovação de quadros com profissionais dedicados e empenhados.

Pontuando esta aula com fotografias de equipamentos que revolucionaram o desempenho da Medicina Intensiva em Coimbra, Jorge Pimentel fez questão de destacar e agradecer a intervenção do presidente da Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos que recentemente veio chamar a atenção para a falta de camas e de especialistas em Medicina Intensiva na região Centro, realidade que coloca em causa a qualidade do serviço.

Antes desta 'última aula', escutaram-se as intervenções do Diretor da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra, Duarte Nuno Vieira (gravação do depoimento, devido a ausência no estrangeiro); do Subdiretor da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra, Américo Figueiredo; do presidente do Conselho de Administração do CHUC, Fernando Regateiro; do presidente da Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos, Carlos Cortes; do presidente do Colégio de Medicina Intensiva, José Artur Paiva. Coube ao diretor da Unidade de Gestão Intermédia da Urgência e Cuidados Intensivos, Paulo Martins, fazer uma súmula da curriculum do professor Doutor Jorge Pimentel e apresentar todos os intervenientes. E foi, precisamente, a ele que Jorge Pimentel se referiu nos últimos instantes da sua aula, uma vez que Paulo Martins é o atual "timoneiro" do serviço.

Fazemos agora uma síntese do percurso académico e profissional desta personalidade da 'Escola Médica de Coimbra, com base na informação perstada pelos serviços da Universidade de Coimbra:
Jorge Pimentel é natural do distrito de Aveiro. Concluiu a licenciatura em Medicina na Faculdade de Medicina da UC em 1972 onde se doutorou no ano 2000, com distinção e louvor (Cardiotoxicidade dos pesticidas organofosforados - estudo experimental com azinfos-etilo).
Desde 1994 é responsável pelas aulas teóricas e práticas de Medicina Intensiva integradas na cadeira de Clínica Médica e, desde 2008, Regente da cadeira opcional de Medicina Intensiva (5º ano) da FMUC.
Foi diretor do Serviço de Medicina Intensiva do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra e membro da Comissão Executiva para a Saúde do Ministério da Saúde, para a preparação e durante a organização do Campeonato Europeu de Futebol de 2004 - Euro 2004.
Integrou o "Grupo de trabalho" criado pelo Despacho n.º 4320/2013, do secretário de Estado Adjunto do Ministro da Saúde, publicado em Diário da República n.º 59 (a 25 de março), para proceder à avaliação da capacidade instalada e necessidades nacionais de camas de unidades de cuidados intensivos.
Foi Coordenador Nacional, desde a sua criação e até ao fim do processo, na Comissão da Sociedade Europeia de Medicina Intensiva, para o ensino da Medicina Intensiva na Europa - CoBaTRice (Competency-Based Training in Intensive Care Medicine in Europe).